sexta-feira, 19 de outubro de 2012

Comportamentos extremos

A busca pelo corpo perfeito leva a comportamentos insensatos: o número de sites que defendem medidas drásticas de emagrecimento cresce a cada dia. Protegidos pelo anonimato da Internet, eles promovem regimes compulsivos e enaltecem doenças graves como a anorexia e a bulimia. "Anas" e "mias", como se denominam as jovens de todo o mundo, que sofrem desses dois distúrbios alimentares, usam a rede para trocar experiências. Receitas de como ingerir menos de 300 calorias diárias, como provocar o vómito e como combinar remédios e laxantes são recorrentes nas comunidades em que elas se reúnem.
Muitas das pessoas que sofrem dos distúrbios acreditam, erradamente, que são anorécticas por escolha e que são poderosas porque detêm o controle sobre os próprios corpos. Outras referem-se ao distúrbio como algo que exerce um domínio incontestável sobre elas. Mas, ao mesmo tempo em que a Internet é usada para divulgar as ideias pro-ana e pro-mia, ela também é um espaço de luta contra os dois transtornos: há sites e fóruns onde pessoas que superaram a anorexia e a bulimia contam as suas histórias e apoiam quem enfrenta o problema.
É necessário estarmos atentos para não atingirmos o limite, pois do outro lado do limite está a morte.

6 comentários:

tralhas de mulher disse...

A primeira vez que me deparei com alguns desses blogs fiquei super impressionada... É necessário promover a alimentação saudável e informar as pessoas (o teu blog é fantástico por isso) para evitar, cada vez mais, estes distúrbios.

Marta M disse...

Fico espantada..não tinha noção da existência desses "grupos". Pelo menos, eu pertenço a um mais focado para a reeducação alimentar e nada de extremos!

Ana Ribeiro disse...

Informações correctas são necessárias, não se pode chegar a nenhum extremo.

Anónimo disse...

Anas e Mias são maioritariamente pessoas que não sofrem de nenhum desses distúrbios mas querem sofrer. Fazem dietas malucas, mas raramente são magras. Poucas vomitam. São pessoas perturbadas...e sobretudo desinformadas e attention seekers. Podem ter mts problemas e têm, mas não sofrem desses disturbios alimentares.

Sara disse...

Olá! Estou fazendo uma pesquisa de campo para o curso de Nutrição. Preciso de pessoas que respondam um questionário sobre atitudes alimentares. O teste é online e envio o resultado por email para quem responder. É só acessar este link:

https://docs.google.com/spreadsheet/viewform?fromEmail=true&formkey=dEF1eG5VczFZdlA1VTNwVUtGc191aEE6MA

Obrigada!

Ana Ribeiro disse...

Vamos ajudar a Sara. Bom trabalho.

Ocorreu um erro neste dispositivo