quinta-feira, 7 de maio de 2009

Comer saudavelmente fora de casa (1ª parte)


São cada vez mais as pessoas que fazem a alimentação fora de casa. Devido a diferentes estilos de vida, horários desregulados e desencontrados, e outros factores a alimentação acaba muitas vezes relegada para um segundo plano. Verificam-se também enormes mudanças nas disponibilidades alimentares e nos tipos de tratamento e transformações sofridas pelos alimentos que ingerimos no dia-a-dia. Consequentemente, o risco de excesso de peso pode aumentar se não forem feitas as escolhas correctas.

Comer fora de casa pode e deve ser algo mais saudável. Uma oportunidade para viver um
a experiência alimentar agradável, do ponto de vista nutritivo e sensorial, desde que as pessoas se encontrem devidamente preparadas e esclarecidas para este efeito.

(talheres Herdmar)



1 - Planeie antecipadamente


Os primeiros passos para o sucesso devem acontecer antes de chegar ao restaurante, devendo utilizar as seguintes estratégias:

Nunca chegue ao restaurante "ESFOMEADA/O".
Faça um pequeno lanche, por exemplo, uma pequena salada ou um copo de leite ou um iogurte antes de sair de casa ou do trabalho. A fome é inimiga das escolhas ponderadas, sem fome terá maior controlo na hora de escolher ou de mergulhar no cesto do pão, na manteiga, nos patês, no queijo ou em outras entradas ainda mais calóricas.


Tente seleccionar o restaurante. Veja o menu na janela exterior ou telefone antes para perguntar sobre possíveis alternativas que sejam mais saudáveis ou a eventual hipótese de satisfação de pedidos especiais.


Se tiver que esperar pela mesa no bar, peça uma bebida não alcoólica como água ou um sumo natural.




1 comentário:

Anónimo disse...

Parabéns pelo seu blog, está muito interessante.Ainda não tinha comentado mas sou leitora assídua.

Agora um aparte: Achei os talheres super divertidos! Não conhecia essa marca mas gostei de conhecer (mas deve ser muito cara).

Almerinda

Ocorreu um erro neste dispositivo