sábado, 20 de junho de 2009

A boneca Ruby


Em 1997, a indústria de cosméticos inglesa Body Shop lançou uma campanha baseada na boneca Ruby, que representaria as mulheres reais. De ancas largas, coxas e braços grossos, Ruby aparecia nos cartazes com a frase: "Há 3 biliões de mulheres no mundo que não parecem Top Models e apenas oito parecem". A Mattel, fabricante da Barbie, entrou com uma acção em tribunal contra a Body Shop, pedindo que a publicidade fosse retirada das lojas americanas, pois Ruby era um insulto à Barbie.
Se uma boneca causou tanta repulsa, o que falar de mulheres de carne e osso que não se adequam aos padrões correntes? Não apenas são excluídas socialmente, como também são preteridas profissionalmente. O peso é um novo factor para a discriminação, que antes acontecia pelo sexo, cor de pele e idade.

1 comentário:

Mary disse...

Infelizmente é verdade.... o que se lamenta profundamente não se justifica tal coisa... enfim é a sociedade que temos.

Ocorreu um erro neste dispositivo