quinta-feira, 18 de março de 2010

Sempre jovem com Q10

Desde a sua descoberta a coenzima Q10 tem sido alvo de pesquisa que procuram compreender o seu mecanismo de acção e potenciais efeitos benéficos da sua suplementação.
Esta coenzima está implicada em reacções das vias metabólicas de produção de energia nas mitocôndrias, as "fábricas" de energia das células. Alguns estudos indicam que tem efeitos protectores do coração: nos fenómenos de enfarte do miocárdio e posterior recuperação do músculo cardíaco. Outras pesquisas descrevem o seu efeito a nível da tensão arterial, embora não exista uma associação clara e significativa que permita afirmar que existe um efeito benéfico da sua suplementação.
As principais fontes alimentares de coenzima Q10 são o peixe, em particular, o arenque e a cavala. Contudo, o mais importante é praticar uma alimentação equilibrada, diversificada e completa.

Sem comentários:

Ocorreu um erro neste dispositivo