terça-feira, 4 de janeiro de 2011

Ano Novo, novos hábitos

Quase todos nós, no início do ano, fazemos projectos para combatermos o que consideramos estar mal na nossa vida. Caímos em clichés e promessas de perder peso, de ir ao ginásio, de alterarmos o estilo de vida…

Só que na maioria dos casos essas mudanças não são sustentadas e ao fim de pouco tempo acabam por não ser cumpridas. Tentativas de mudança muito radicais e pouco realistas não costumam funcionar. Nestes assuntos não existem milagres! É preferível fazer pequenas alterações nos costumes do dia-a-dia que permitam manter os efeitos ao longo de muito tempo, mesmo que os efeitos não sejam tão rápidos.

Desfrutar da comida, do prazer de comer mas também da saúde e são perfeitamente possíveis. Basta seguir pequenas rotinas diárias, que podem ser cumpridas por todos.

Saiba como na minha Crónica desta semana do Correio do Minho.

Sem comentários:

Ocorreu um erro neste dispositivo