domingo, 26 de setembro de 2010

Dia Mundial do Coração

É assinalado hoje, por iniciativa da Federação Mundial do Coração e 10 anos após a primeira comemoração, o Dia Mundial do Coração. Em 2010 o tema é: “Eu trabalho com o coração”.

O principal objectivo desta iniciativa é reforçar a importância da realização de actividades físicas e desportivas e de um estilo de vida activo para um melhor coração e uma vida mais saudável, de acordo com as orientações da União Europeia.

As doenças cardiovasculares são aquelas que causam mais mortes, no mundo inteiro, vitimando 17,1 milhões de pessoas por ano. Os factores de risco são: níveis elevados de pressão arterial, colesterol e glicose, tabagismo, ingestão insuficiente de fruta e vegetais, excesso de peso, obesidade e sedentarismo.

A Federação Mundial do Coração, em parceria com a Organização Mundial da Saúde, organiza eventos alusivos ao tema em mais de cem países. As iniciativas previstas incluem rastreios, passeios organizados, corridas, sessões de fitness, debates, espectáculos, fóruns científicos, exposições, concertos, desfiles e torneios desportivos.

A Fundação Portuguesa de Cardiologia, como membro da Federação Mundial do Coração, tem a incumbência de dinamizar as actividades do Dia Mundial do Coração em Portugal.

A iniciativa da Federação Portuguesa de Cardiologia visa:

  • Mobilizar a população para um estilo de vida activo, onde a actividade física, o exercício e o desporto estejam presentes na vida quotidiana da população;
  • Aumentar o conhecimento dos benefícios na saúde, sociais e económicos da prática regular de actividade física moderada;
  • Reforçar a importância da realização de actividades físicas e desportivas e de um estilo de vida activo, para a manutenção de um coração e de uma vida mais saudáveis, e como forma de prevenção primária das doenças cardiovasculares;
  • Promover a saúde, privilegiando a prevenção das doenças cardiovasculares, que constituem a principal causa de morbilidade mortalidade e incapacidade de longa duração da população portuguesa.

Sem comentários:

Ocorreu um erro neste dispositivo